.arquivos

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.subscrever feeds

Quinta-feira, 26 de Março de 2009

Como é possível?

Foi com muita pena minha que ontem ao almoço me apercebi que ainda há pessoas que não ouviram falar do desejo de vida da Luciana Abreu (aka Floribela): adoptar uma criança.

Sim, eu sei que até parece óbvio. Toda a gente sabe que ela gosta das criancinhas. MAS esta menina não quer uma criancinha qualquer. A Luciana é tão boazinha, que quer "uma criança sofrida com imensas dificuldades, que não tenha roupa, ande descalça, com doenças e ranho no nariz" (TV Guia de 4 de Dezembro de 2006, edição 1453).


Ah, pois é! Não adianta ser uma criancinha sem pais, que isso não é sofrimento nenhum. Agora, o ranho no nariz e as doenças já é conversa para agradar e fazer pena à Luciana.

Como sempre, os Contemporâneos não andam a dormir e cá está um sketch sobre o assunto:




A Luciana também tem sempre mais uma carta na manga. É uma rapariga que não deixa de surpreender.
Passo a apresentar, aos que não conhecem, o Pedro Pinto - nenuco preto da Luciana.
Quem olha para ela pensa que a idade dos nenucos já lá vai, mas pelos vistos não.
Aqui fica um vídeo onde aparece o Pedro. Ao que se sabe é uma espécie de amuleto, que a Luciana transporta nos momentos mais importantes para lhe dar sorte, como o desfile de Carnaval de Oiã ou a final do Dança Comigo.









Durante a minha pesquisa sobre o assunto encontrei uma entrevista de 2007 à Caras em que à pergunta:

E a maternidade, faz parte dos seus planos?

A Luciana respondeu:

Completamente. Mas o que eu queria mesmo agora era adoptar uma criança. Até tenho um quarto a mais em casa para isso. Já o tentei fazer, mas as leis e as burocracias são horríveis. Tenho pessoas a tratar disso para mim, até porque tenho o sonho de adoptar uma criança chinesa.



Acho que um dia destes ainda vemos a Luciana com um nenuco com olhos em bico.

Já agora, no meu tempo, quando apertávamos o bracinho do nenuco ele fazia bolinhas de água com a boca. Será que os novos já ficam com "ranho" no nariz?
publicado por Ana Silva às 11:50
link do post | comentar | favorito
|

.links

.Facebook