.arquivos

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.subscrever feeds

Segunda-feira, 16 de Março de 2009

Gelatina de Morango(?)... Morango talvez não fosse...


13.00h - Hora de almoço.

Os meus pensamentos variavam entre "Que fome" e "Ai, estou mesmo com fome".
Encontrei-me com a minha amiga para almoçar. Fila. Muita fila. Expressei verbalmente o meu pensamento e a minha amiga concordou que sentia o mesmo. Éramos duas esfomeadas quase no fim da fila - é o que dá almoçar com uma tagarela que depois se esquece de guardar lugar porque está na conversa - kidding :) **.


Finalmente chegou a nossa vez.
Almoçamos. Eis que chega o momento da sobremesa. Por acaso, não sou muito dada a comer sobremesa na Faculdade, mas hoje, para variar, peguei na gelatina vermelha (ou, como qualquer pessoa diria, de morango). Assim que coloco a primeira colher à boca:
-Hum... isto tem um sabor estranho, não achas?
-Tem? - A minha amiga lá provou e fez um olhar de quem está de acordo.
- Sabe a detergente - Disse eu.
- Pois é, sabe a detergente.
- Parece Super Pop... - Pensei alto enquanto provava outra colher de gelatina.
Após mais duas tentativas (falhadas) optamos por desistir.

Considerações finais: Estava tão bem quieta. Porque é que fui pegar em sobremesa?; Não admira que a gelatina não engorde tanto como as outras sobremesas disponíveis na cantina... Com sabor a detergente só se pode provar (e pouquinho).


publicado por Ana Silva às 17:26
link do post | comentar | favorito
|

.links

.Facebook